Todo sábado tem cinema!

Sempre às 20h


Coordenação e Curadoria: Paulo Campagnolo

Programação MARÇO/2020

 

Dia 07/03/2020 - SÁBADO - 20 horas

Homenagem a KIRK DOUGLAS (1916-2020)

Filme: SUA ÚLTIMA FAÇANHA

EUA/1962 - 107min.

Direção: David Miller

Elenco: Kirk Douglas, Gena Rowlands, Walter Matthau, Carroll O′Connor e

 George Kennedy

Local: CAC - CENTRO DE AÇÃO CULTURAL

Endereço: Av. XV de Novembro, 414 (esquina com Getúlio Vargas)

Classificação 16 anos


Ele foi um dos maiores astros do cinema americano de toda a história, iniciando sua 

carreira na era de ouro de Hollywood, em 1946, numa jornada longa e com 

participação em  93 filmes. Porém, mais que um astro (ele detestava esse adjetivo), 

Douglas foi um grande ator, com trabalho marcante numa série de filmes importantes,

além de um homem absolutamente  teimoso que não se contentava em não conseguir 

o que queria. Dessa teimosia, ajudou a produzir “Glória Feita de Sangue” (1957), de 

Stanley Kubrick, quando ninguém mais apostava no trabalho anti-militarista que jogava 

sombras escuras sobre a França, durante a Primeira Grande Guerra. 



 

Dia 14/03/2020 - SÁBADO - 16 horas

Filme: CARLOS

França/Alemanha/2010 - 338min.

(O filme será exibido com dois intervalos)

Direção: Olivier Assayas

Elenco: Édgar Ramírez, Alexander Scheer, Nora von Waldstätten, 

Ahmad Kaabour, Christoph Bach, 

Susanne Wuest, Anna Thalbach e Julia Hummer

Local: CAC - CENTRO DE AÇÃO CULTURAL

Endereço: Av. XV de Novembro, 414 (esquina com Getúlio Vargas)


Classificação 16 anos



A minissérie, realizada para a TV (mas exibida nos cinemas) já é considerada como 

um dos grandes filmes deste século. Um thriller biográfico surpreendente sobre a vida

 do terrorista Carlos, O Chacal (o venezuelano Ilich Ramírez Sánchez), cobrindo sua

 participação em atentados desde 1973 até sua prisão, em 1994. Épico político, o filme 

desmitifica a figura de pop star do terroristana interpretação fabulosa do também

venezuelano Édgar Ramírez - sem psicologizar sua persona controversa, ególatra e

 abusiva. Apesar de ter sido realizado para a TV, é grande cinema num gênero, o thriller, 

que não deixa espaço para recuperar o fôlego. E, talvez, o mais envolvente e certeiro

 filme sobre

 terrorismo do cinema.

Paulo Campagnolo - Coordenador e Curador do Convite ao Cinema


Dia 21/03/2020 - SÁBADO - 20 horas

Filme: RASHOMON

Japão/1950 - 88min.

Direção: Akira Kurosawa

Elenco: Toshiro Mifune, Machiko Kyo, Masayuki Mori e Takeshi Kimura

Local: Auditório Hélio Moreira

Endereço: Av. XV de Novembro, 701 (anexo a Prefeitura)

Classificação 16 anos


Uma das muitas obras-primas do grande Akira Kurosawa (1910-1998), “Rashomon”,

 vencedor do Festival de Veneza e premiado com o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro

 (em 1952), foi um marco decisivo para a divulgação do cinema japonês no ocidente. 

Considerado um dos maiores filmes da história, é inovador na sua narrativa, com um

 estudo de perspectiva que acabou influenciando odo o cinema mundial, com a 

história de um julgamento do assassinato de um samurai e do estupro 

de sua mulher, através de flash-backs e de relatos de 4 testemunhas. 



Dia 28/03/2020 - SÁBADO - 20 horas

Filme: INTERRUPTION

Grécia/Croácia/França/2015 - 110min.

Direção: Yorgos Zois

Elenco: Alexandros Vardaxoglou, Sofia Kokkali, Pavlos 

Iordanopoulos,

 Christos Karteris,

 Romanna Lobats, 

]Angeliki Margeti, Maria Kallimani, Alexia Kaltsiki, Maria Filini e 

Christos Stergioglou.

Local: Auditório Hélio Moreira

Endereço: Av. XV de Novembro, 701 (anexo a Prefeitura)

Classificação 18 anos


Em 23 de outubro de 2002, em Moscou, no Teatro Dubrovka, durante a apresentação

 de um musical para mais de 850 pessoas, entre 40 a 50 chechenos armados entraram,

 ocuparam e fizeram a todos de reféns - reivindicando, através de seu líder, Movsar 

Barayev, lealdade ao movimento separatista islâmico na Chechênia e exigindo a 

retirada das forças russas de seu país, então em conflito. 


 
 

PROGRAMAÇÃO