Epidemiologia



Vigilância Epidemiológica


Vigilância Epidemiológica é definida pela Lei n° 8.080/90 como “um conjunto de ações que proporciona o conhecimento, a detecção ou prevenção de qualquer mudança nos fatores determinantes e condicionantes de saúde individual ou coletiva, com a finalidade de recomendar e adotar as medidas de prevenção e controle das doenças ou agravos”.

O objetivo principal é fornecer orientação técnica permanente para os profissionais de saúde, que têm a responsabilidade de decidir sobre a execução de ações de controle de doenças e agravos, tornando disponíveis, para esse fim, informações atualizadas sobre a ocorrência dessas doenças e agravos, bem como dos fatores que a condicionam, numa área geográfica ou população definida.

A Vigilância Epidemiológica do Município de Maringá é abrangente, envolve ações tanto de controle de Doenças Transmissíveis e de Agravos e Doenças não Transmissíveis. Constitui-se importante instrumento para o planejamento, a organização e a operacionalização dos serviços de saúde, como também para a normatização de atividades técnicas afins. A Vigilância Epidemiológica, historicamente voltada à prevenção e ao controle de doenças transmissíveis, necessitou ampliar, progressivamente, seu escopo. Assim, além de trabalhar com um elenco de doenças de notificação compulsória, hoje, deve ter a sensibilidade para detecção de variadas condições que interfiram na saúde humana (de forma articulada com outras áreas, como a da Vigilância Ambiental e da Vigilância em Saúde do Trabalhador). Seu propósito é fornecer orientação técnica permanente aos gestores para a decisão sobre a execução de ações de controle de doenças e agravos. Tem como funções, dentre outras:

• Coleta e processamento de dados;
• Análise e interpretação dos dados processados;
• Divulgação das informações;
• Investigação epidemiológica de casos e surtos;
• Análise dos resultados obtidos;
• Recomendações e promoção das medidas de controle indicadas;
• Avaliação da eficácia e efetividade das medidas adotadas.

O Município de Maringá assumiu as ações de Vigilância Epidemiológica em janeiro de 1991, como um dos pressupostos para a municipalização do Sistema Único de Saúde - SUS. 

Atualmente na gestão plena do Sistema de Saúde, o Município assume total responsabilidade pelas ações de Vigilância Epidemiológica, que abrangem os seguintes sistemas:

-Sistema de Informação de Mortalidade - SIM
Com base nas informações constantes neste sistema é possível realizar análises de situação, planejamento e avaliação de programas. O SIM fornece dados para produção de estatísticas de mortalidade e para a construção dos principais indicadores de saúde.
A Vigilância Epidemiológica desenvolve ações de investigação, monitoramento, controle, análise, divulgação de informações e orientações aos serviços notificantes (Hospitais, IML, UPAS, UBS e Cartórios) referentes às declarações de óbitos.

-Sistema de Informação de Nascidos Vivos - SINASC
Tem como base a Declaração de Nascido Vivo que é entregue pela Vigilância Epidemiológica a todas as maternidades do município. O sistema permite analisar estatisticamente os dados de nascimentos ocorridos no Brasil, tendo como principal objetivo nortear e orientar a execução de ações básicas de saúde para diminuir a mortalidade infantil.
A Vigilância Epidemiológica desenvolve ações de investigação, monitoramento, controle, análise, divulgação de informações e orientações aos serviços notificantes (Hospitais com Maternidade, e serviços de Partos Humanizados).

-Sistema de Informação de Agravos de Notificação - SINAN
É alimentado pela notificação e investigação de casos de doenças e agravos que constam da lista nacional de doenças de notificação compulsória.
A Vigilância Epidemiológica desenvolve ações de investigação, monitoramento, controle, análise, divulgação de informações, controle e orientações a todos os serviços de saúde notificantes, desde a Atenção Básica, de média e alta complexidade.
O Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN versão NET, Dengue , Influenza e SISTILTb Online) é um dos principais instrumentos da Vigilância Epidemiológica e tem como objetivos coletar e processar os dados sobre agravos de notificação em todo o território nacional e fornecer informações para análise do perfil de morbidade, contribuindo, dessa forma, para a tomada de decisões pelo Gestor Municipal, Estadual ou Federal.

Ações integradas a Vigilância Epidemiológica.

• Núcleos de Vigilância em Saúde das UBS.
• Núcleos de Vigilância em Saúde Hospitalar e de UPA.
• Rede de Violência.
• Saúde do Trabalhador.
• SIVEP/Gripe - Influenza.
• Comitê de Prevenção de Mortalidade Materno, Infantil e Fetal.
• Participação das instituições de saúde privadas do município.

Centros de referências para atendimentos especializados

• Ambulatório de IST/HIV/AIDS/HEPATITES e Tuberculose -
• centralizado na Unidade de Saúde Primo Monteschio - Zona Sul.
• Referência para Hanseníase -
• no CISAMUSEP
• Referência para Leishmaniose -
• no CISAMUSEP
• Referência Laboratorial -
• Laboratório Central - SMS e LEPAC - Universidade Estadual de Maringá

O serviço de Imunização e Ambulatório de IST/HIV/DST/Hepatites e Tuberculose, foram desvinculados da Gerência da Vigilância Epidemiológica a partir de Agosto de 2018 passando a responder a Gerência de Assistência à Saúde.

EQUIPE TÉCNICA

Enfermeiros
Celiane Aparecida Bolzon
Cristiane Moliani Sobreira Moraes
Juliana Alves Guilherme Fischer
Maria Cristina Tarelho
Nelci Aparecida dos Santos

Técnicos e Auxiliares de Enfermagem
Aparecida Donizete da Silva Almenara
Daiane Angélica de Oliveira
Leda Cristina Barucho Ribeiro
Luana Aparecida Salles de Abreu Romero
Rejane Maria Bortolozzo da Silva

Auxiliar Administrativo
Jorge Fumiharu Horita

Digitador
Marcia Venâncio da Silva

Canais de Contato
Telefones:(44) 3218-3155 e 3218-3138
Correio Eletrônico:saude-epidemiologia@maringa.pr.gov.br
                           saude_gerencia_epidemiologica@maringa.pr.gov.br


Responsável: Jussara Cavalcante de Souza Titato
Especialista em Pediatria - Pontifícia Universidade Católica
Título de Especialista em Pediatria - SBP/AMB
Pós Graduação em Violência na Saúde - Fiocruz/ENSP
Presidente do Comitê de Prevenção a Mortalidade Materna Infantil e Fetal - Maringá/Pr

Maringá

Secretaria Municipal de Saúde

Avenida Prudente de Moraes, 885 - Zona 7

Maringá - Paraná - Brasil

Fone: (44) 3218-3100