• Conferência Juventude
  • Castração e Emergência Animal
  • Coleta Seletiva
  • Locais Coleta Seletiva - Vidros
  • Farmácia Móvel
  • Colab - Rede Social para Cidadania
  • N/D
  • N/D
Atendimento ao Contribuinte Alvará Online ISS Eletrônico Licitações Concursos Edital qualificação de marcas Rede de proteção a criança e adolescente Acesso Cidadão - Senha Web PROMUBE Jogos Abertos de Maringá - Inscrições
MEIO AMBIENTE
COMPARTILHE  
10 de Outubro de 2019
Reduzir Fonte Aumentar Fonte
 
Sema fiscaliza córrego Moscados e não encontra poluição
 
 
Diretoria de Comunicação
 
Margens tem muito lixo e água forma bolhas e não espuma de poluição quando cai Clique para ampliar a foto
Margens tem muito lixo e água forma bolhas e não espuma de poluição quando cai
Aldemir de Moraes / PMM
Clique para ampliar a foto
Fiscais percorreram diferentes trechos de manhã e seguem monitorando região
Aldemir de Moraes / PMM
Clique para ampliar a foto
Há trechos de APP que estão corretos e outros que não tem mata ciliar
Aldemir de Moraes / PMM
Clique para ampliar a foto
Fiscais passaram por mata fechada e até entraram no córrego
Aldemir de Moraes / PMM
Clique para ampliar a foto
No primeiro trecho visitado não há mata ciliar; dono do terreno já foi multado
Aldemir de Moraes / PMM
Clique para ampliar a foto
Fiscal verifica trecho do córrego com acúmulo de vegetação que apodrece com o tempo
Aldemir de Moraes / PMM
A Secretaria de Meio Ambiente e Bem Estar Animal (Sema) fiscalizou na manhã de hoje, 10, o córrego Moscados. Houve denúncia de poluição. Uma equipe com três fiscais percorreu três trechos do riacho e não encontrou nenhum ponto poluído na água de origem criminosa. Não há peixes mortos. Sema monitora região, num trabalho constante de prevenção ambiental. 

Uma das situações verificadas logo após a nascente, na Vila Bosque, foi o acumulo de folhas e outros materiais na água. Com o tempo a vegetação apodrece e dá um tom escuro na água. As plantas caem no córrego quando chove. Como não há mata ciliar em alguns trechos, a água da chuva escorre do barranco levando o material. 

Apesar da água não estar poluída, há muito lixo nas margens. Latas, garrafas, brinquedos, aparelho televisor e até um colchão. O gerente da Sema, Ivan Zakaluk, informa que o proprietário do terreno já foi multado antes. Caso está na Justiça. 

No segundo ponto visitado pelos fiscais o quadro é diferente. Há mata ciliar e água do córrego é cristalina. Fiscais passaram por mata fechada e verificaram emissários de onde saem efluentes dos prédios da região até o córrego. O agente fiscal Osmar Casavechia anunciou que não havia indício de poluição. 

Terceiro ponto vistoriado foi no Jardim Aclimação, de onde já houve denúncia com espuma e água escura. Fiscais também não encontraram poluição. Há muito lixo e no ponto onde a água cai da tubulação há formação de bolhas com a movimentação e fluxo da água. Fiscais verificaram que não há espuma que seria de produtos químicos. A fiscalização da Sema é rotineira. A população pode colaborar com denúncias de poluição ambiental pelo telefone 156. 
 
 Outras Notícias
 
» Inadimplentes do Programa de Recuperação Fiscal podem renegociar
» Papai Noel desembarca em Floriano e leva a magia do Natal para o distrito
» Maringá Encantada supera expectativa e segue com novidades
» Provopar segue arrecadando brinquedos para o Natal
» Gabinete sedia debate informal sobre Consciência Negra
» Maringá conquista acesso nos Jojup′s em três modalidades
 
+ Notícias
 

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE MARINGÁ

Av. XV de Novembro, 701 - Centro

Maringá - Paraná - Brasil - Cep: 87013-230

Fone: (44) 3221.1234