• Bosque 2
  • Catedral - Vista noturna
  • Maringá - Vista Aérie
Bosque 2 Catedral - Vista noturna Maringá - Vista Aérie
Atendimento ao Contribuinte Alvará Online ISS Eletrônico Cidade Industrial Agiliza Obras FIA e-Atende Fiscalização 1ª Festa Literária de Maringá
CANTEIRO DE OBRAS:
COMPARTILHE  
24 de Maio de 2007
Reduzir Fonte Aumentar Fonte
 
Maringá investe mais de R$ 30 milhões em alta tecnologia e qualidade de vida
 
Assessoria de Comunicação - Carlos Pedroso
 
Maringá investe mais de R$ 30 milhões em alta tecnologia e qualidade de vida Clique para ampliar a foto

- Foto: Ricardo Lopes/PMM

     É percorrendo de carro ou, melhor ainda, realizando um sobrevôo pela cidade, de ponta a ponta, que é possível perceber a dimensão e importância das 23 obras públicas que estão em execução em Maringá.
     O canteiro de obras representa um investimento superior a R$ 30 milhões em melhorias que alcançam a maioria das áreas de atendimento à população e asseguram elevada qualidade de vida para os 313,4 mil moradores do município.
     São imagens aéreas – como as que foram captadas nesta semana pelo repórter fotográfico Ricardo Lopes, da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Maringá – que retratam o momento histórico vivenciado pela cidade e que expõem obras compatíveis com os avanços do Século XXI.

(Confira na galeria de fotos do site www.maringa.pr.gov.br as imagens de algumas das obras em execução no município):

SUPERVIA LESTE-OESTE (Foto 1)
     As obras de rebaixamento da linha férrea, entre as avenidas Pedro Taques e Tuiuti, se destacam no cenário futurista em que a cidade está se transformando. As obras na ferrovia entraram na etapa de construção dos muros que farão a contenção lateral nas trincheiras das duas pistas rodoviárias da futura ligação Leste-Oeste da cidade.
     Composto por blocos de concreto intertravados, o primeiro muro em construção fica no lado norte do túnel ferroviário e dará sustentação à uma das pistas da Avenida Horácio Raccanello Filho, a partir do cruzamento com a Avenida Pedro Taques.

NOVA AVENIDA (Horácio Raccanello Filho – Foto 2)
     O investimento de R$ 11,3 mi, em convênio com o DNIT, possibilitou também a conclusão e entrada em funcionamento da Avenida Horácio Raccanello Filho, construída sobre a laje do túnel ferroviário e que desafoga o trânsito de veículos na área central da cidade.

ASFALTAMENTO E DRENAGEM (Foto 3)
     As obras de pavimentação asfáltica e para implantação de galerias pluviais beneficiam quatro bairros e, indiretamente, outras oito regiões vizinhas. No programa desenvolvido pela administração municipal em parceria com o BID e Governo do Estado estão sendo investidos R$ 8,6 milhões na implantação de 17 quilômetros lineares de galerias pluviais e na aplicação de asfalto em 143,6 mil m² de ruas sem pavimentação nos conjuntos residenciais Andréa, Europa, Guaiapó e Olímpico.

PASSARELA DA MODA (Foto 4)
     Por meio de convênio com o Governo do Paraná a administração municipal investiu R$ 1,2 mi na construção da “Passarela da Moda” sobre as duas pistas da PR-317, na saída para Campo Mourão. A obra, já liberada para utilização dos usuários, oferece maior segurança para funcionários e clientes dos shoppings atacadistas de confecção que operam nas proximidades.

EIXO MONUMENTAL (Foto 5)
    
Os empreendimentos previstos no novo Plano Diretor complementarão o “Eixo Monumental de Maringá”, contemplado atualmente com as instalações da Universidade Estadual de Maringá, Complexo Esportivo da Vila Olímpica, Estádio Regional Willie Davids, Praça Raposo Tavares e a Catedral Basílica Menor Nossa Senhora da Glória.

NOVO CENTRO (Plano Diretor – Foto 6)
     Em fase de estudos de viabilidade técnica e financeira, o projeto para implantação do Plano Diretor do Novo Centro deverá ser posto em prática por meio do sistema de parceria público-privada.
     Ele estabelece que os terminais de ônibus urbanos e metropolitanos vão ser rebaixados e poderão servir de opção para acomodar, em modernas instalações no subsolo, o comércio que antes atuava na antiga estação rodoviária de Maringá.

PROJETO FUTURISTA (Plano Diretor – Foto 7)
    
Entre as premissas do Plano Diretor está a construção de dois edifícios comerciais, uma biblioteca pública, um auditório e uma grande cúpula com rotatória na Avenida Horácio Raccanello Filho para servir de referência à estação ferroviária subterrânea, que fará conexão com os terminais de ônibus urbanos e metropolitanos.
    O projeto prevê ainda a implantação de um estacionamento em três níveis, com capacidade para duas mil vagas, no subsolo da Praça Raposo Tavares.

VILA OLÍMPICA (Foto 8)
     Nesta primeira etapa de obras, a área de 121.500 m² do Complexo Esportivo da Vila Olímpica está ganhando um parque aquático dotado de piscina olímpica medindo 50m X 25m, piscina semi-olimpica de 25m X 15m, 20 alojamentos com capacidade para acomodar 80 atletas e um velódromo para a prática de ciclismo – composto por uma pista com 7,55 metros de largura, arquibancadas e uma pista central de skate.
     O conjunto de obras está sendo executado ao custo de R$ 5,988 milhões e foi planejado para servir de referência à região Sul do país no desenvolvimento de atletas, técnicos e equipes de alto rendimento.

PARQUE AQUÁTICO (Vila Olímpica – Foto 9)
     O Parque Aquático da Vila Olímpica será utilizado para provas de natação, pólo aquático e outras modalidades. Ele é composto por duas piscinas com dimensões oficiais para competições, em alvenaria, concreto armado, revestimentos adequados e demais equipamentos necessários para a prática segura de esportes olímpicos.
     As piscinas semi-olímpica e olímpica serão utilizadas para treinamento em natação e em competições oficiais, insclusive de nado sincronizado. Para isso, as profundidades maiores de cada uma atingem 2,04 e 2,51 metros, respectivamente.

ALTA TECNOLOGIA (Vila Olímpica – Foto 10)
     As obras atuais das duas piscinas da Vila Olímpica envolvem trabalhos de impermeabilização, com a fixação de camada de manta asfáltica e vedação das paredes para aplicação dos azulejos.
    
Na área inferior das piscinas está em construção a casa de máquinas, com depósitos para filtros, tubulações, previsão para aquecimento e outros equipamentos, incluindo uma área de visualização do desempenho do atleta dentro da piscina.

ALOJAMENTOS (Vila Olímpica – Foto 11)
     Os módulos de alojamentos, em construção nesta primeira etapa de obras da Vila Olímpica, poderão ser utilizados como dormitórios ou residências temporárias para 80 atletas de alto rendimento, técnicos, professores e árbitros.
     Cada módulo é composto por uma sala de estar e trabalho com cozinha integrada, dois dormitórios com capacidade para duas pessoas em cada ambiente e área de serviço.

PLANO HABITACIONAL (Foto 12)
     Em 2,5 anos de administração, 1.116 casas populares foram construídas ou estão em construção em Maringá. Desenvolvido em parceria com os governos estadual e federal, o plano de habitação popular tem sido viabilizado pelos programas de Interesse Social, Imóvel na Planta Hipoteca e Arrendamento Residencial (PAR).

INVESTIMENTO EM CIDADANIA (Foto 13)
     Nos últimos 2,5 anos, a área da educação em Maringá teve R$ 14,6 mi investidos na construção, reforma e ampliação de 35 escolas municipais, 12 centros municipais de educação infantil (CMEI) e em novas quadras esportivas de quatro escolas municipais.
     Outras nove obras orçadas em R$ 1.858.144,97 estão sendo iniciadas neste ano. São reformas e ampliações de escolas e centros municipais de educação infantil, que ainda terão mais oito obras licitadas e iniciadas até o final de 2007.

MELHORIAS NA SAÚDE (Foto 14)
     Com investimento de R$ 1,7 mi a Prefeitura de Maringá construiu novas instalações para o setor de DST/Aids do NIS III Zona Sul, além de promover reforma e ampliação do NIS Zona Norte e NIS Alvorada III.
     A implantação do SAMU 192, adequação da lavanderia e perfuração de poços artesianos no Hospital Municipal são outras melhorias promovidas no setor, que também teve construídos novos postos de saúde nos jardins Industrial e Olímpico.

SAÚDE NA TERCEIRA IDADE (ATIs – Foto 15)
     Para oferecer saúde e melhor qualidade de vida para a comunidade, a administração municipal investiu R$ 116,2 mil na construção de três das 13 Academias da Terceira Idade (ATI). As outras 10 academias fixas e uma unidade móvel foram viabilizadas em parceria com a iniciativa privada.

CONFORTO AOS PASSAGEIROS (Nova rodoviária – Foto 16)
      O prédio da nova rodoviária passou por reforma, que incluiu novo gradil, instalações sanitárias, catracas de segurança e câmeras de vídeo nas plataformas.
     Usuários do transporte coletivo urbano ganharam 125 novos abrigos nos pontos de embarque, além de acomodações adequadas nas imediações da antiga rodoviária metropolitana.

MAIS ÔNIBUS NAS RUAS (Foto 17)
     Nos últimos 2,5 anos, a frota do transporte coletivo urbano aumentou de 203 para 233 veículos, o Sistema Translivre oferece transporte gratuito para 304 cadeirantes cadastrados e os Cartões do Passe Livre atendem a 22.806 estudantes. Foram emitidas 456 autorizações para embarque de menores na nova rodoviária.

AEROPORTO REGIONAL (Foto 18)
     A caminho da internacionalização no setor de cargas e para melhor atender as empresas e usuários do transporte aéreo, o Aeroporto Regional Silvio Name Júnior passou por uma série de reformas nos últimos dois anos.
     A área comercial do pavimento térreo do Terminal de Passageiros foi revitalizada e replanejada para aumentar o espaço disponível para atendimento. Também foram feitos investimentos na torre de controle, nova rampa de embarque e controle de bagagem por sistema de Raio-X.

SEGURANÇA NAS OPERAÇÕES (Aeroporto – Foto 19)
     A pista de 2.100 metros de comprimento e 45 metros de largura teve o revestimento de asfalto e concreto reparado, assim como a área de estacionamento externo está sendo reestruturada e ampliada de 170 para 280 vagas. Também foram implantadas novas escadas de saídas de emergência do pavimento superior, nova escada rolante e as telhas de amianto do Terminal de Cargas foram substituidas por telhas metálicas.
     No entorno do pátio de manobras de aeronaves e a cabeceira da pista foi implantado sistema de drenagem.
     Atualmente três companhias aéreas operam na cidade: Gol, TAM e Trip.
     Entre os setores de embarque e desembarque, mais de 300 mil pessoas transitam mensalmente pelo aeroporto de Maringá.

MALHA ASFÁLTICA CONSERVADA (Foto 20)
     Para minimizar os efeitos da chuva e o desgaste natural, equipes da Secretaria dos Serviços Públicos executam reperfilagem asfáltica em trechos críticos que correspondem a 72 quilômetros da malha viária.
     Atendimentos emergenciais são realizados com a operação tapa-buraco em todos os bairros e distritos do município.

ROÇADAS PERMANENTES (Foto 21)
     Simultaneamente ao trabalho de recuperação da malha viária, equipes realizam em sistema de mutirão os serviços de roçada, capina, varrição, desobstrução de galerias e poda de árvores em áreas públicas da região central e nos bairros da cidade.

ILUMINAÇÃO PÚBLICA (Foto 22)
     Com a aquisição de novos veículos especialmente equipados para a função, a equipe responsável pela manutenção do sistema de iluminação pública do município atingiu 95% de atendimento aos pedidos de moradores para substituição de lâmpadas queimadas em logradouros públicos.
     De 3.051 pontos atendidos nos quatro primeiros meses do ano passado, o número cresceu para 5.441 no último quadrimestre de 2006.
     A partir de janeiro de 2007 a média mensal de atendimento subiu para 1.397 pontos de luz em todo o município.
    
A média histórica de atendimento anual, que é de 15 mil a 16 mil, deverá atingir 20 mil revisões neste ano.

SINALIZAÇÃO VIÁRIA (Foto 23)
     Entre as ações para promover segurança nas ruas, a Prefeitura de Maringá executou sinalização horizontal em 76.824 m² das vias da cidade, fixou 2.887 placas de sinalização vertical e implantou campanhas de respeito à faixa de pedestres, conscientização de motociclistas e pelo fim das mortes no trânsito.

RENDA E EMPREGO (Foto 24)
     Com o propósito de oferecer condições de expansão para pequenos e microempresários, a administração municipal transformou antigos barracões industriais em centros de qualificação profissional e incubadoras de empresas.
     A área de indústria, comércio e turismo também ganhou a implantação de galerias pluviais e asfalto comunitário nos parques industriais e teve construída a Casa da Cultura do Jardim Alvorada.

APOIO SOCIAL (Foto 25)
     A promoção de assistência social e cidadania à comunidade foi reforçada em Maringá com as obras de reforma das sedes do Centro de Referência do Parque Itaipu, do Programa de Apoio e Orientação Sócio-Familiar, do CIACA/Centro Dia, CIACA/Borba Gato e do antigo Estádio Brinco da Vila.

MELHORIAS NO PAÇO (Foto 26)
     Com investimentos próprios de R$ 198 mil, o prédio do Paço Municipal teve as calçadas revitalizadas e ganhou nova cisterna, selagem dos vidros temperados, nova cobertura metálica sobre as rampas e novos sanitários.

Serviço________________________________________________
Mais informações: 3221-1290 (Seduh) / 3221-1503 (Urbamar) / 3261-551 (Serviços Públicos)

 
 Outras Notícias
 
» Programação para o dia 01.09.14 (Segunda-feira):
» 1º Concurso de Presépios de Maringá vai premiar com até R$ 15 mil
» Atividades programadas pela Secretaria de Serviços Públicos para esta segunda-feira (1º/09/2014)
» Saúde promove capacitação sobre Iniciação em Diabetes para profissionais da rede
» Programação do Procon para esta segunda-feira (1º)
» Secretaria de Educação cadastra novos alunos
 
+ Notícias
 

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE MARINGÁ

Av. XV de Novembro, 701 - Centro

Maringá - Paraná - Brasil - Cep: 87013-230

Fone: (44) 3221.1234

Registro Ponto do Servidor