Prefeitura do Município de Maringá

Projeto Hortas Comunitárias conquista recursos do Ministério do Trabalho e Emprego

Assessoria de Comunicação

02 de dezembro de 2011

   O Projeto Hortas Comunitárias de Maringá, gerenciado pela Secretaria de Serviços Públicos, está recebendo R$ 1.550.899,70 do Ministério do Trabalho e Emprego, através da Secretaria Nacional de Economia Solidária. O valor será destinado à implantação de mais 10 hortas comunitárias e em programas para a geração de empreendimentos solidários, que estimulem a criação de emprego e renda.
   Um dos projetos beneficiados é a Feira da Cidadania, que vai beneficiar os produtores das Hortas Comunitárias, profissionais do artesanato e cooperativas de reciclagem. O engenheiro agrônomo José de Oliveira Albuquerque, coordenador do projeto Hortas Comunitárias, que recebeu o anúncio do recurso do secretário adjunto da Secretaria Nacional de Economia Solidária, Roberto Marinho Alves da Silva, explica que a Feira da Cidadania vai colocar os envolvidos comercializando a produção para a comunidade.
   O objetivo, de acordo com ele, é dar oportunidade da população ter acesso a produtos orgânicos das Hortas Comunitárias e artesanato local, criando oportunidade de renda para as famílias participantes. Serão beneficiadas cerca de 250 famílias carentes da região urbana e periurbana da cidade.
   A montagem da redação do projeto vencedor teve a participação efetiva do CERAUP/UEM, parceria no Programa de Hortas Comunitárias de Maringá. Na semana passada, o programa foi contemplado com o Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social 2011.
   O Prêmio foi concedido a nove projetos nacionais que mais contribuíram para a transformação social de comunidades brasileiras. Cada um dos vencedores das categorias recebeu o prêmio no valor de R$ 80 mil.

Outras Notícias