Prefeitura do Município de Maringá

Idealizada por Maringá, campanha de doação de órgãos une Prefeituras do Paraná

Diretoria de Comunicação

27 de setembro de 2021

As Prefeituras do Paraná se uniram para te pedir: comunique a sua família que você é a favor de doar seus órgãos. Pode ser por qualquer meio de comunicação como mensagem no WhatsApp, Facebook, SMS ou em uma conversa pessoalmente. A ação faz parte da campanha “Diga Sim Em Vida”, idealizada pela Prefeitura de Maringá, que marca nesta segunda, 27 de setembro, o Dia Nacional de Doação de Órgãos.

Participam da campanha as prefeituras de Maringá, Curitiba, Cascavel, Cianorte, Foz do Iguaçu, Londrina, Paranavaí, Ponta Grossa e Campo Mourão. A Secretaria de Saúde do Paraná também é apoiadora. Atualmente, mais de 2,3 mil pessoas aguardam por um órgão no Paraná. O Estado é líder em doação no país. São 41,5 doações de órgãos por milhão de habitantes, enquanto a média nacional é de 18,1. Os dados são da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos.

O prefeito de Maringá, Ulisses Maia, destaca que a ação em colaboração com os municípios realça a solidariedade e a valorização à vida. "Com a campanha ampliada pela doação de órgãos atingimos mais gente, conscientizamos mais pessoas a comunicarem suas famílias sobre a decisão de serem doadores. Essa nobre campanha precisa ser amplificada por todos os canais possíveis. O propósito é salvar vidas. Esperamos que essa contribuição gere resultados positivos. Muito obrigado aos municípios parceiros!".

Quais órgãos e tecidos podem ser doados?
Os órgãos são rim, fígado, coração, pâncreas e pulmão. Os tecidos são córnea, pele, ossos, válvulas cardíacas, cartilagem, medula óssea e sangue de cordão umbilical. A doação de órgãos como o rim, parte do fígado e da medula óssea pode ser feita em vida. Para a doação de órgãos de pessoas falecidas, somente após a confirmação do diagnóstico de morte encefálica.

Pessoas de todas as idades podem ser doadoras?
Depende do tipo de órgãos e tecidos, porque cada órgão tem um limite de idade. O fígado e o rim não têm idade, mas o coração tem um reparo de 55 anos. Já o tecido ocular tem o limite de idade no Paraná de até 60 anos. A média de idade dos doadores no Paraná está acima da faixa de 50 anos. São pessoas provenientes de doenças metabólicas, comorbidades e doenças preexistentes, por exemplo. Nesses casos, nem todos os órgãos poderão ser utilizados. Enquanto que um doador jovem, sem comprometimento dos órgãos, poderá doar coração, fígado, pulmão, rins, pele, ossos e córneas.

Como doar?
É muito simples e fácil! No Brasil para você ser doador de órgãos basta você avisar a sua família. Qualquer meio de comunicação é válido. Mande uma mensagem e avise a todos que você deseja ser o herói de muitas pessoas! Segue abaixo uma sugestão de texto para você enviar, confira neste link .

Outras Notícias